quarta-feira, 14 de setembro de 2011

A força do louvor

Em alguns momentos em nossa caminhada com Deus, não conseguimos nos conectar com Ele. Não conseguimos nos comunicar. Até queremos, mas muitas vezes nossas almas estão desanimadas. Parece que uma nuvem cinza paira sobre nossas cabeças. Nesses momentos nossa fé diminui. Não escolhemos a “boa parte”. Entendemos intelectualmente que precisamos parar e buscar o alimento para nossas almas, mas nada flui.

Foi nestes momentos que aprendi a força do louvor, como ele muda meu estado de espírito. Como me ajuda a refletir sobre Deus. Não entendo nada de teorias musicais, sou desafinada, mas aprendi o poder do louvor em momentos bem difíceis de minha fé. 
Nos momentos em que eu já estava quase desistindo, meu coração começando a ficar incrédulo, conheci a profundidade do louvor. Hoje, como já conheço essa poderosa força, eu faço do louvor parte da minha caminhada e busca de Deus. Eu costumo colocar um CD de músicas de louvor, refletir sobre a letra das canções e então meu coração parece se conectar às coisas espirituais. É como se as canções tomassem forma dentro de mim e saíssem de meus lábios como uma oração cantada a Deus. Então minha alma grita: Eu me rendo!

Que a inspiração do Céu chegue até nós, e nos ajude em nossa busca para construir um relacionamento íntimo com Deus. Deus nós chama para ter intimidade, isso significa que nossa caminhada não é com um alguém distante, mas sim com Alguém que está ao nosso lado. Como as escrituras revelam em João 15: 15
"Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu Senhor faz. Em vez disso,eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu lhes tornei conhecido”.


Compartilho um louvor, muito profundo que me fez refletir no poder da oração, no lugar de intimidade com Deus.


Abraços fraternos,
Francis Paduan

4 comentários :

Meire mercado disse...

MUITO ESPECIAL FRANCIS.....E ESSE LOUVOR É MARAVILHOSO!BEIJOS,MEIRE

Odilon disse...

Um refrigério esta canção.
Fran, obrigado!

Denise Malafaia Cerqueira disse...

Amo este louvor também!
Como Deus nos fala, não é mesmo?
O título de um livro muito lido na década de 80 diz assim: Louvor liberta que liberta
Liberta mesmo, aleluia!
O louvor é uma forma poderosa da linguagem de Deus que o glorifica e, nos edifica a fé, encoraja-nos e renova-nos.
É mais que bom!
Que sempre haja nos seus lábios e no de todos nós uma oferta de sacrifício a Deus com louvores que nunca deixem de jorrar do nosso interior.
Bjs e paz, minha amada irmã e amiga, Francis!

Débora Pedrosa disse...

Canção Linda mesmo, estava precisando ouvir algo direcionado a refugio no Senhor.
Continue Trazendo pra nós mensagens q inspiram.
Bjos.

Postar um comentário